top of page
not-9233-20230315101646.jpg

A ressurreição de Cristo

Do ponto de vista bíblico os crentes tem muita dificuldade em conviver crendo 100% nessa vida ressurreta de Cristo em nosso meio.

Você realmente sabe o que é a ressurreição de Cristo, ou vai esperar até o domingo de pascoa, para mais uma vez venerar um Cristo morto, consagrando a Ele, um culto como se estivesse ressurreto? Vou deixar um pouco do que sei acerca disso, o demais fica para quinta feira nosso culto de doutrina.

O pecado entrou no mundo por um homem diz a bíblia, assim também a morte veio com ele, Adão era seu nome. Portanto, da mesma forma como o pecado entrou no mundo por um homem, e pelo pecado a morte, assim também a morte veio a todos os homens, porque todos pecaram. (Romanos 5:12). Hoje o que vemos como resultado dessa desobediência de um só homem, foi satanás dominando a mente e as vontades de ser humano criado segundo a imagem e semelhança de Deus.

Hoje a humanidade vive separada de Deus, matando, prostituindo, roubando, adulterando, mentindo, caluniando uns aos outros, por que frutificam a mente e instrução de satanás e não a mente de um Cristo ressurreto.

Toda sorte de infortúnios, miséria, doenças, pragas, epidemias, pandemias, terremotos, tempestades, desordens politicas, eclesiásticas, humanitárias acontecem por que são frutos desse ministério do diabo. Roubar, matar e destruir. A humanidade sem consciência real de quem é Deus e da obra realizada na ressurreição de Cristo vive dominada por esse espirito maligno. Segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe da potestade do ar, do espírito que agora atua nos filhos da desobediência. (Efésios 2:2).

Porém Deus nos trouxe esperança enviando Cristo para na sua carne destruir o poder do diabo e da carne, através da sua ressurreição. A fim de que, assim como o pecado reinou na morte, também a graça reine pela justiça para conceder vida eterna, mediante Jesus Cristo, nosso Senhor. (Romanos 5:21). Pois, se a morte veio por Adão, através da ressurreição de Cristo veio a abundante vida de Deus ao coração humano, ao coração de todo aquele que crê.

Era necessário a encarnação do filho, para que a ressureição fosse completamente realizada. Sem a encarnação, não poderia haver ressurreição.

 

O apóstolo Paulo diz em sua primeira carta aos Coríntios: Também há corpos celestiais e corpos terrestres; e, sem dúvida, uma é a glória dos celestiais, e outra, a dos terrestres. (1 Coríntios 15:40). Deus sempre trabalha sobre seus princípios fundamentais, e nunca fora do que está em sua Palavra. Assim como Adão pecou sendo carne, homem natural, assim também Cristo se fez homem, tomou a forma humana completa, morreu como homem, pois a exigência sacrificial era essa desde os tempos eternos. Pois assim também é a ressurreição dos mortos. Semeia-se o corpo na corrupção, ressuscita na incorrupção. Semeia-se em desonra, ressuscita em glória. (1Coríntios 15:42).

A ressurreição de Cristo, deveria ser tratada pelos crentes em Jesus com maior temor e tremor. Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos as pessoas mais infelizes deste mundo. (1 Coríntios 15:19). Veja que a infelicidade dos crentes é esperar em Cristo somente nessa vida, não existe esperança de ressurreição onde Ele Cristo não é tratado como um Deus presente e Vivo em nosso dia a dia. O mal de muitos pastores e pregadores é tratar a ressureição e Cristo como uma lenda, ou um conto e não uma realidade diária. Isso leva a igreja e seus liderados a terem a mesma percepção religiosa em seus templos ou lugares de culto. Porque, se os mortos não ressuscitam, também Cristo não ressuscitou. E, se Cristo não ressuscitou, é vã a fé que vocês têm, e vocês ainda permanecem nos seus pecados. (1Coríntios 15:16-17). Veja como é séria essa Palavra de Paulo à igreja na cidade de Corintos.

 

Se pregadores, líderes e pessoas tem medo de pregar e viver a santidade e temor de Deus, é por que Cristo para eles ainda está morto e não ressuscitou, embora preguem, que ele vive, e ressuscitou dentre os mortos. A bíblia é muito enfática e temível nesse assunto. Onde Cristo não é crido como ressurreto, pessoas (crentes) vivem ainda em seus pecados. E, se Cristo não ressuscitou, é vã a fé que vocês têm,e vocês ainda permanecem nos seus pecados. E ainda mais: os que adormeceram em Cristo estão perdidos. (1Coríntios 15:17-18).

A bíblia diz: permanecendo em seus pecados estão desabonando o que aconteceu a Cristo, e ainda permanecem no pecado, e estão perdidos. Hoje temos visto pastores ensinando casais, como se estivessem dando ordenanças em prostibulo e não numa igreja santa do Senhor, onde Ele vive e anda em seu meio. Não tenha medo. Eu sou o primeiro e o último e aquele que vive. Estive morto, mas eis que estou vivo para todo o sempre e tenho as chaves da morte e do inferno. (Apocalipse 1:17-18).

Adorar um Cristo ressurreto, deve ser identifica-lo com alguém em nosso meio, e não podemos ignorar isso em hipótese alguma. A bíblia diz que o povo se perde por falta de conhecimento, e sacerdotes, lideres inúteis transfere essa repreensão ao povo, quando a mesma é para os lideres, por que eles deixaram de ensinar o que era , e hoje é certo, para doutrinar naquilo que era, e hoje é agradável, porém, a palavra do profeta Oséias continua dizendo: Quanto mais aumentaram os sacerdotes, mais eles pecaram contra mim; trocaram a Glória deles por algo vergonhoso. (Oséias 4:7). Os aconselhamentos sexuais para pessoas que vieram da morte para vida é que eles continuem fazendo o que faria se não estivessem hoje vivos e na fé.

O aconselhamento para os jovens é que se mantenham na masturbação, na pornografia, pois devem viver a fé como se Cristo não estivesse no meio deles, afinal são jovens. Pois se Cristo não ressuscitou, está morto e pregado ainda na Cruz. E assim tem se conduzido a igreja do Senhor no Brasil e em nossa localidade onde sou um obreiro do Senhor. Ao ponto de nos caluniarem quando chegamos aqui de estar trazendo uma nova doutrina. Não reconhecendo a verdade do evangelho. Voltem à sobriedade, como convém, e não pequem. Porque alguns ainda não têm conhecimento de Deus. Digo isto para vergonha de vocês. (1Coríntios 15:34).

O evangelho de Cristo ressuscitado, só será nova doutrina, para aqueles que ensinam mas, não vivem o que ensinam. Para aqueles que vieram e não conseguiram se manter na doutrina de Cristo. Foi remendo novo em vestes velhas, vieram e logo voltaram para lama novamente

 

Quanto a nós pregadores do Evangelho temos que dizer como Paulo. Antes de tudo, entreguei a vocês o que também recebi: que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, e que foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras. (1 Coríntios 15:3-4).

Como que uma igreja poderá crer na ressureição vivendo ainda em seus pecados, como um crente irá dizer que crê na ressurreição deliciando ainda nos prazeres carnais. Tanto o que aprende, quanto ao que assim ensina, nada mais creem senão em um Cristo que não ressuscitou. Pois se Cristo ressuscitou, e realmente acreditam que Ele vivo está, seria impossível viver diante dele em pecado, ou ignorando sua presença. Saiba meu querido irmão (a), que Ele está vivo para muitos, e para outros continua morto.

Basta ver a seu lado nos cultos, quem está adorando um Cristo vivo, e quem está venerando um Cristo morto. Quem está vendo um Cristo ressurreto está caindo todos os dias como morto diante de sua presença. Ao vê-lo, caí aos seus pés como morto. Porém ele pôs sobre mim a mão direita, dizendo: Não tenha medo. Eu sou o primeiro e o último e aquele que vive. (Apocalipse 1:17-18).

Enquanto que outros estão nas reuniões, porem mortos, como o Cristo deles. Vivendo em suas falsas, doutrinas, ou posso aqui dizer em uma nova doutrina, que não é o Evangelho de um Cristo ressurreto, mas, daquele que ainda continua morto. Pois, assim posso lhe dizer sem medo de errar, que adorando assim, esse Cristo morto, também estará morto, enfermo, sem alegria verdadeira, em falsas doutrinas que não alimentam sua alma. Com uma vida insensata, dizendo - se de Deus, porém, nadando no pecado, na iniquidade, na desobediência, adulterando, se alimentando desse esgoto a céu aberto que temos visto emanar de muitos púlpitos.

 

Talvez seja por isso, que a Santidade e Honra ao Senhor esteja longe do pensamento, e da vida de muitos que se intitulam crentes em Jesus. Sim, por isso muitos ainda desejam viver um relacionamento conjugal, como o mundo vive, alimentando sua cama não com Santidade, mas, com filmes pornográficos, com delírios sexuais que seus líderes lhe transferem como não tem nada a ver. Habacuque o profeta disse o seguinte diante da santidade de Deus: Ouvi isso, e o meu íntimo se comoveu; os meus lábios tremeram ao ouvir a sua voz. A podridão entrou nos meus ossos. (Habacuque 3:16).

Quem ainda vive no pecado, dizendo ser crente. Aceitando formas mundanas de prazer, dizendo ser crente, nada sabe sobre ressurreição, nem sobre o evangelho de Cristo.

 

Video abaixo: Culto de doutrina: O PODER DA RESSURREIÇÃO DE CRISTO.

Assista a mensagem pregada em nossa sede.

Pr. Adélcio Ferreira - IBPMG

bottom of page